• Busca

  • Empreendedorismo Sustentável

  • Gráfico

    O empreendedorismo sustentável é um conceito aberto à interpretação e adaptação de acordo com alguns interesses. Para alguns, ele aborda a ecologia e proteção dos recursos naturais. Outros têm um ângulo mais social que é o de favorecer o desenvolvimento dos mais pobres. Para outros, é uma combinação dos dois. Desenvolvimento sustentável é o equilíbrio entre o desenvolvimento ambiental, social e econômico.

    A evolução da sustentabilidade e ampliação do seu alcance está diretamente relacionado ao desenvolvimento do conhecimento e novas descobertas feitas em ciências ambientais, sociais e econômicas. Comprovadamente a sustentabilidade, irá abraçar novas áreas nas décadas futuras. É necessário assegurar que a força empreendedora da sociedade seja utilizada de maneira ética em prol do bem comum.

    Em essência, toda a força empreendedora deveria ser aplicada para atender às necessidades da sociedade. A melhor imagem aqui é a de todas as pessoas da sociedade estarem aplicando sua força de fazer acontecer para ajudar a atender o conjunto de necessidades que existem na própria sociedade. E já vimos que a força do fazer acontecer está presente em todos, da dona de casa ao trabalhador, aos funcionários e executivos de empresas, dos governos e da sociedade civil. (Oscar Motomura)

    Ao pensarmos sobre as necessidades totais da sociedade (que são muitas) imediatamente deparamos com um enorme paradoxo. É o paradoxo de termos de um lado muitas necessidades e de outro… desemprego (ou seja, pessoas sem o que fazer). A existência desse paradoxo é também um atestado de ineficácia em gestão. Ineficácia de quem? De um lado, dos governos; de outro, dos empresários que não criam empresas voltadas ao atendimento das necessidades existentes (e preferem até trabalhar com o supérfluo em mercados altamente congestionados). De outro, ainda, de todas as pessoas que têm competência em fazer acontecer e decidem não usá-la para o atendimento das necessidades da sociedade (por achar que são de responsabilidade do governo, de outras empresas e instituições, enfim, “dos outros”).

    Três Dimensões

    As três dimensões da sustentabilidade – ambiental, social e econômica – também são conhecidas como triple-bottom line ou o 3P: pessoas, planeta e lucro.

    sustentabilidade empresarial é um sonho distante ainda, mas os consumidores devem se unir e promover uma grande onda de esclarecimento e de cobranças das  devidas empresas e  verificar a origem dos produtos adquiridos. A sociedade precisa forçar os empresários a entenderem que chegou o fim do “capitalismo selvagem” e que, agora, devemos pensar em se desenvolver economicamente com responsabilidade.

    Ana Karla da Silva Martins

    facebooktwitter

    Ex-autora do Diário do Verde, criadora da Coluna Eco Insight. A Ana foi a primeira pessoa a contribuir diretamente no blog, depois do seu idealizador, ainda na época do Blogger. Primeiro artigo: Último artigo:


  •  

  • Compartilhe:

  •  

  • Leia também: